Translate

domingo, 29 de maio de 2016

HOT DOG DE FORNO COM CARNE MOÍDA

TORTA SALGADA COM CARNE MOÍDA

Receita perfeita para um lanche da tarde. Fácil, rápida e deliciosa. 
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno

Como todo hot dog de forno em travessa é usado o fermento químico em pó, aquele de bolo.
A massa é preparada parcialmente no liquidificador. Depois é só misturar a farinha e o fermento.
Para o recheio você pode preparar a carne moída seguindo sua própria receita ou fazer a descrita no modo de fazer.  A ervilha pode ser substituída por milho verde em lata. O importante é que a carne não fique com muito molho. Sobrou um pouco do recheio que guardei para outra receita. Talvez um recheio de omelete. Hummm, já estou sentido o sabor.
Como eu fiz em um refratário quadrado de vidro, achei melhor não desenformar. Mas, se você preferir, é só esperar esfriar um pouco depois de assado e desenformá-lo em um prato de serviço.
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno

INGREDIENTES:
MASSA:
  • 1 xíc/chá de farinha de trigo
  • 1 c/sobremesa de fermento químico (p/ bolo)
  • 2 ovos grandes ou 3 médios
  • ¼ xíc/chá de leite
  • ⅓ xíc/chá de azeite ou óleo
  • 2 c/sopa de queijo parmesão ralado
  • sal a gosto
RECHEIO:
  • 300 g de carne moída
  • azeite ou óleo para refogar
  • 1 cebola pequena picada
  • 1 a 2 dente de alho picado e amassado
  • 1/2 pimentão picado em cubo
  • 1 tomate sem pele e sem semente picado em cubo
  • 1/4 de xíc/chá de molho de tomate
  • pimenta do reino e páprica a gosto
  • manjericão a gosto
  • cheiro verde picado a gosto (cebolinha e salsa ou coentro)
  • sal a gosto
  • ½ xíc/chá de ervilha congelada ou em conserva (escorrida)
GUARNIÇÃO E COBERTURA:
  • queijo parmesão ralado a gosto (ralo grosso)
  • queijo mozarela em fatias e cubos a gosto 
MODO DE PREPARO:
MASSA:
  1. Pré-aqueça o forno a 180º C.
  2. Unte com manteiga e polvilhe farinha de trigo um refratário pequeno (20x20cm). Reserve.
  3. Em uma vasilha coloque a farinha de trigo peneirada e o fermento. Reserve.
  4. Bata no liquidificador os ovos, o azeite, o queijo ralado, o sal e o leite.
  5. Despeje a mistura de ovos sobre a farinha. Mexa com uma espátula.
  6. Coloque 2/3 da massa no refratário preparado anteriormente.
  7. Distribua a mistura de carne moída sobre a massa.
  8. Cubra a carne com fatias partidas de queijo mozarela.
  9. Despeje o restante da massa uniformemente na travessa.
  10. Distribua queijo mozarela em cubinhos na superfície.
  11. Polvilhe queijo ralado. 
  12. Leve ao forno pré-aquecido a 180º C por 15 minutos. Aumente a temperatura do forno para 200º C por mais 20 minutos ou até ficar dourado.
  13. Retire do forno e deixe esfriar um pouco para poder servir.
    TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno
  14. Sirva na própria travessa ou desenforme.
RECHEIO DE CARNE MOÍDA:
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA
  1. Em uma panela coloque o azeite (ou óleo) com a cebola e leve ao fogo baixo.
  2. Assim que a cebola estiver amolecida e esbranquiçada, acrescente o alho e deixe dourar ligeiramente.
  3. Acrescente carne moída e refogue.
  4. Junte o pimentão, o tomate sem pele e sem semente, a pimenta do reino, a páprica e o molho de tomate. Misture tudo e deixe cozinhar um pouco com a tampa fechada. Se estiver muito grosso acrescente um pouco de água ou vinho branco.
  5. Salgue a gosto (prove). 
  6. Se achar que o tomate deixou o recheio um pouco ácido, acrescente 01 c/chá a 01 c/sopa de açúcar (rasas).
  7. Acrescente a ervilha. 
  8. Junte o cheiro verde e o manjericão de acordo com o seu paladar. Misture e desligue o fogo. Espere esfriar e empregue como recheio da torta.
Dica: se quiser junte salsicha picadinha ou amassada com garfo.
Vejam como o queijo muzarela derrete e fica com uma linda cor.
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno
Este tamanho é ideal para o lanche de 3 a 4 pessoas.
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno
Se quiser fazer em uma travessa maior, retangular, é só dobrar a receita. 
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno

Se gostaram não deixem de fazer e compartilhar.
TORTA SALGADA DE CARNE MOÍDA; lanche; torta salgada; cachorro quente de forno

Mil bjs e até a próxima postagem que pode ser de artes, guloseima ou companhia (viagens, passeios, pensamento, dicas, ...,).

BOM APETITE!!!
Um abraço carinhoso a todos os meus amigos e visitantes,
                   Teresa Cintra

segunda-feira, 23 de maio de 2016

PAVÊ DE LIMÃO

Esta receita de pavê é maravilhosa, gostosa e refrescante. Além disto, é tão fácil de preparar que até uma criança consegue fazer. O mais difícil é abrir a lata do leite condensado. rsrsrsrsrsrsrs.
O creme nem precisa ir ao fogo para engrossar. Basta bater tudo no liquidificador e pronto. O limão dá o ponto do creme.
Eu preparei o pavê com biscoito de maisena para não precisar usar bebida para embebê-lo. Caso você prefira usar o biscoito champanhe, este deverá ser embebido em alguma bebida licorosa. Isto porque o biscoito champanhe é mais grosso e se não molhar o pavê irá ficar muito seco e difícil de partir.
INGREDIENTES:

CREME:
  • 1 caixa de creme de leite (200 ml)
  • 1 lata de leite condensado (395 g)
  • Suco de 2 limões
  • raspa de 1 limão ou a gosto
COBERTURA:
  • 300g de chocolate meio amargo
  • ½ caixa de creme de leite (100 ml)
  • ½ c/chá de essência de baunilha ou outra de sua preferência
GUARNIÇÃO:

  • 200 g de biscoito maisena
MODO DE PREPARO:
  1. Coloque todos os ingredientes para o creme no liquidificador.
  2. Bata bem até ficar homogêneo.
  3. Desligue o liquidificador. 
  4. Coloque uma pequena quantidade do creme de limão no fundo de uma forma refratária. Espalhe com uma colher.
  5. Sobre esta camada de creme distribua uma camada de biscoito de maisena. Coloque-os lado a lado deitados sobre o creme. Preencha os buracos com pedaços de biscoito. Dica: Não precisa molhar o biscoito em licor ou leite ou outro líquido qualquer. Como o biscoito é fino ele irá absorver parte da umidade do creme. Não irá ficar duro.
  6. Espalhe nova camada de creme de limão. 
  7. Repita a camada de biscoito + outra camada de creme + biscoito + creme, até terminar os ingredientes. Finalize com uma camada de creme de limão.
  8. Cubra a forma com um plástico ou tampa. Leve à geladeira para firmar um pouco.
  9. Enquanto firma o pavê, prepare a ganache para a cobertura.
  10. Em uma vasilha de vidro ou inox, coloque o chocolate picado. Encaixe esta vasilha em uma panela com água. Leve ao fogo alto até começar a ferver. Desligue o fogo e mexa o chocolate até derreter totalmente. Dica: a vasilha com o chocolate deve ficar bem encaixada na panela para não escapar vapor.
  11. Acrescente o creme de leite e a essência. Mexa delicadamente de baixo para cima, envolvendo o creme com o chocolate até ficar bem uniforme.
  12. Retire o pavê da geladeira e despeje a cobertura sobre o mesmo. Espalhe com uma colher ou espátula. Se quiser decore com raspas de chocolate. 
  13. Cubra o refratário com plástico ou tampa.
  14. Conserve na geladeira até o momento de servir.
O momento mais esperado é o da prova. Afinal quem não quer um pedacinho?
Huuummmm... Que delícia. 
Difícil vai ser comer apenas um pedaço. Ficou muito boooooommmmmm!!!
Com poucos ingredientes e rapidinho você faz uma deliciosa sobremesa. 
Mas, por que pavê? De onde vem este nome? Eu fiz uma rápida pesquisa (velho e bom Google) e descobri que a palavra pavê deriva do francês pavage que significa pavimento. Imagine um pavimento de tijolos ou pedras intercalados com cimento formando várias camadas. Agora veja como fica o doce pavê quando é cortado. Bem parecido com um pavimento.
Hummmm, hummmm, hummmm e mil vezes huuuummmmm!!!
pavê; ganache de chocolate; sobremesa de limão; limão; receita de liquidificador

Se gostaram, façam e compartilhem. 

Obrigada pela visita.
Mil bjs e um forte abraço aos meus amigos e seguidores.

BOM APETITE   !!!!!!
Obrigada pela visita.

domingo, 15 de maio de 2016

GARRAFAS RECICLADAS VIII - Mosaico casca de ovo e decoupagem

Reaproveitamento, reciclagem, reutilização... 
É tanto termo que eu às vezes me confundo. kkkkkk.
Será que em termos de sustentabilidade, uma ação é mais importante que a outra?
Na minha opinião tudo que diminui o lixo e seu impacto sobre o ambiente, levando à mudanças de comportamento é positivo e deve ser estimulado.
Não importa se reutilizando, reaproveitando ou reciclando, estamos diminuindo os gastos de energia e matéria prima para a criação de novos artigos, além da óbvia redução do lixo.
Mas, a grande verdade é que adoro transformar um objeto que seria descartado em algo útil ou simplesmente belo. Em algo para ser usado ou simplesmente enfeitar. E, se for possível conseguir tudo isto em uma única peça, melhor.
Hoje, eu irei mostrar uma garrafa que fiz há um tempo atrás, e ainda não tinha tido "tempo" para postar.
ARTESANATO; DECORAÇÃO; GARRAFAS; RECICLAGEM; pintura em garrafas; arte com garrafas; reutilizando garrafas; lixo é luxo;
A técnica é mosaico de casca de ovo + decoupagem. Como eu já descrevi a técnica em outros trabalhos, não irei minuciá-la. Quem quiser mais detalhe é só acessar AQUI ou AQUI
Não deixe de trabalhar a rolha para completar o visual. Veja algumas sugestões AQUI .
Depois de lavar e secar bem a garrafa, pintei com primer e depois uma tinta branca 
Para a decoupagem usei aqueles guardanapos decorados. Tenho uma coleção deles em casa. kkkkkkkkkkk. Não consigo não comprá-los. Será que é mania de quem trabalha com artesanato ou só eu tempo esta loucura?
Veja como este é lindo. Queria tentar aproveitá-lo ao máximo, conservando inclusive a parte escrita. 
Deu bastante trabalho. Cortei o papel aos poucos e fui colando. Sempre procurando manter as palavras inteiras. 
Veja como ficou:
ARTESANATO; DECORAÇÃO; GARRAFAS; RECICLAGEM; pintura em garrafas; arte com garrafas; reutilizando garrafas; lixo é luxo;
Finalizei com verniz vitral para que a garrafa pudesse ser lavada sem problemas. Com relação aos cuidados com a higienização do trabalho, leia as orientações abaixo.
Agora é só deixar sua garrafa em um lugar de destaque em sua sala ou copa e receber os elogios. Ou colocar um delicioso licor caseiro na garrafa e deixá-la estrategicamente no bar.
Ou quem sabe presentear algum amigo especial? Basta envolvê-la com papel transparente e um bonito laço. Nada de caixa ou papel opaco. Deixe que o seu presente possa ser visto. O impacto será bem maior.
ARTESANATO; DECORAÇÃO; GARRAFAS; RECICLAGEM; pintura em garrafas; arte com garrafas; reutilizando garrafas; lixo é luxo;
ARTESANATO; DECORAÇÃO; GARRAFAS; RECICLAGEM; pintura em garrafas; arte com garrafas; reutilizando garrafas; lixo é luxo;

Gostaram? Se sim façam e compartilhem. Eu vou ficar aguardando os trabalhos de vocês.

Mil bjs e até a próxima postagem (arte, viagem ou guloseimas).

BOA SORTE e SUCESSO NOS TRABALHOS!

Obrigada pela visita!!!

sábado, 14 de maio de 2016

BOLO DE CHOCOLATE COM MOUSSE E GANACHE DE CHOCOLATE

DECORANDO BOLO COM GANACHE DE CHOCOLATE

Aniversário tem que ter comemoração com os amigos mais próximos, familiares e bolo.
Este ano, mais uma vez, o pedido de meu filho foi BOLO DE CHOCOLATE, COM RECHEIO DE CHOCOLATE E COBERTURA DE CHOCOLATE. 
Eu bem que queria fazer algo diferente, mas nem questionei o aniversariante. Afinal, somos todos chocólatras assumidos.
Então... Atendi o pedido.
Fiz um bolo que adoro, recheie com mousse de chocolate e cobri com ganache de chocolate.
Mas, para ficar diferente dos outros anos, eu fiz uma decoração nova. kkkkkkkkkkkkk. A receita do bolo e do mousse de chocolate que usei como recheio, eu já tinha feito em outras ocasiões. Alguma coisa tinha que ser diferente. 

Como ainda não domino a arte da confeitaria (acho que nunca irei conseguir) e reconheço meus limites, optei por uma decoração básica.
Hoje, eu irei mostrar como fiz a decoração apenas para aquelas que gostam de correr riscos na cozinha e fazer com as próprias mãos. 
Vamos lá?
  1. Faça um bolo delicioso com uma de suas receitas ou use a que postei no final da postagem.
  2. Faça a montagem do bolo em um aro ou forma, umedeça cada camada com calda e recheie conforme sua preferência. Se quiser, veja as receitas que usei no final da postagem. Cubra a forma com plástico e leve à geladeira por 8 a 12 horas. Se quiser compactar coloque um prato por cima e sobre ele algum peso. Eu não compactei.
  3. Desenforme o bolo. Retire o aro passando o bolo para bandeja ou prato em que irá servir. Ou você pode colocá-lo em uma base de isopor e usar uma bailarina para fazer a decoração e depois fazer a transferência para o prato principal. Como eu não tenho bailarina, fiz a decoração no próprio prato de serviço. 
  4. Cubra todo o bolo com uma camada de ganache. Nem muito fina e nem muito grossa. Espalhe o melhor possível. (Que falta que uma bailarina faz! rsrsrsrsrsrs). Dica: Eu queria uma ganache mais firme para não correr o risco de escorrer. A receita que empreguei está no final da postagem. 
  5. Alise a ganache: Em uma panela coloque água e leve para ferver.
    Coloque dentro da água a espátula de inox que irá usar para alisar a ganache. Quando a espátula estiver quente, retire-a e seque com um pano de prato limpo. Use-a 
    imediatamente sobre o bolo alisando a superfície superior e lateral.
    Volte a espátula para a água quente sempre que esfriar. Tenha sempre o cuidado de secar bem ao retirá-la da água. O chocolate não deve ser molhado. Quanto mais você repetir este processo, mais a ganache irá ficar lisa e brilhante. É impressionante a mudança. De áspera e fosca, passa para lisa e brilhante.
    Dica: Alisar o bolo e ter que rodar o prato ao mesmo tempo é bem difícil de fazer. Não dá para completar a volta e a espátula termina por esfriar. Se você tiver uma bailarina (prato giratório) este processo é bem mais fácil de executar e o resultado será muito melhor. Com a bailarina é só manter a espátula parada e rodar o prato giratório. 
  6. Coloque o restante da ganache em um saco de confeiteiro com bico pitanga (ou outro de sua preferência). Faça o acabamento na extremidade superior do bolo e na sua base.
    Eu optei com um bico grande e como não tinha o adaptador para ele tive que cortar a ponta do saco de confeitar para encaixá-lo.
    Se sobrar ganache use para decorar o centro do bolo. Evite tocar a superfície do bolo para não marcar a ganache.  
    Eu toquei sem querer na superfície e ela logo ficou fosca e marcada. Ainda bem que esta parte seria coberta com confeito.
  7. Na parte superior do bolo eu coloquei confeitos sabor de chocolate, tipo bolinhas chocoball. Achei que o toque deu um charme a mais ao bolo.
  8. No lugar do chocoball, você pode colocar raspas de chocolate, granulado de chocolate, confeitos coloridos, M&M, ...
Amei o resultado final. ♥♥♥♥ Até as formigas concordaram comigo e vieram rapidamente apreciar o trabalho.

Por conta do recheio de mousse, eu mantive o bolo na geladeira até o momento do parabéns. Foi apenas neste momento que posicionei as velas.


Parabéns, meu filho!!!
E o primeiro pedaço vai para... Ops, foram dois primeiros pedaços para os pais. Sem brigas ou ressentimentos. Como meu filho é diplomata. kkkkkkkkkkkkkk. 
Vejam que delícia de bolo. Imagine se eu fosse profissional no ramo de confeitaria, aí sim seria um arraso total.
Alguém aceita um pedacinho?
Minha sugestão: Com uma bola de sorvete de creme fica uma delícia.
As receitas (bolo, recheio, calda, ganache) eu posto abaixo para quem quiser. Não é muito diferente de outros bolos que fiz, portanto, não me preocupei de tirar foto de cada etapa.
INGREDIENTES:
MASSA:
  • 6 ovos
  • 1 ½ xíc/chá de açúcar
  • 100 g de manteiga sem sal com 80% de lipídios
  • 1 c/chá de essência de baunilha
  • 2 ½ xíc/chá de farinha de trigo
  • ½ xíc/chá de chocolate em pó com 50% de cacau
  • 1 pitada de sal
  • 1 c/sopa de fermento em pó
CALDA PARA REGAR:
  • ½ xíc/chá de leite
  • ½ xíc/chá de açúcar
  • 3 c/sopa de chocolate em pó com 50% de cacau
  • ½ c/chá de essência de baunilha ou outra de sua preferência
RECHEIO: MOUSSE DE CHOCOLATE
  • 2 tablete de chocolate meio amargo ou amargo (150 a 170 g dependendo da marca)
  • 2 caixa de creme de leite (400 ml)
  • 2 c/sopa cheia de chocolate em pó com 50% de cacau
  • 1 c/chá de essência de baunilha
  • 1 envelope de gelatina em pó sem sabor e incolor (12 g)
  • 5 c/sopa de água (para hidratar a gelatina)
  • 3 claras de ovo
  • 5 c/sopa de açúcar (refinado)
COBERTURA: GANACHE DE CHOCOLATE
  • 500 g de chocolate meio amargo
  • 200 ml de creme de leite
  • 1 c/chá de essência de baunilha
  • 1 envelope de confeitos a gosto
MODO DE PREPARO:
MASSA:
  1. Pré-aqueça o forno a 200º C.
  2. Unte duas formas desmontáveis de 25 cm com manteiga e polvilhe com chocolate em pó.
  3. Peneire junto a farinha de trigo e o chocolate em pó. Reserve.
  4. Coloque na batedeira os ovos (inteiros) e o açúcar. Bata por aproximadamente 10 minutos. O volume irá aumentar bastante.
  5. Desligue a batedeira e passe a mistura dos ovos para uma vasilha maior. Junte a mistura de farinha e chocolate. Misture com uma colher.
  6. Ferva junto o leite com a manteiga e o sal. Assim que ferver desligue o fogo e misture na massa do bolo. Mexa com a colher, misturando bem.
  7. Junte a essência e o fermento.
  8. Divida a massa nas duas formas untadas e polvilhadas.
  9. Asse em forno pré-aquecido a 200º C por 35 a 40 minutos. Faça o teste do palito, que deve sair limpo.
  10. Deixe os bolos esfriarem sobre uma grade e cobertos com pano (sem tocá-los). Dica: Cobrir os bolos ao esfriarem evita que a superfície fique quebradiça e endurecida.
  11. Desenforme-os quanto estiverem frios.
RECHEIO:MOUSSE DE CHOCOLATE
Prepare a mousse enquanto espera o bolo esfriar. Não prepare com muita antecedência para que não fique firme antes de ser usada.
  1. Coloque a gelatina em um recipiente com a água para hidratar. Reserve.
  2. Coloque o chocolate picado, o creme de leite e o chocolate em pó em uma pequena panela ou vasilha. 
  3. Leve ao fogo em banho-maria. Assim que a água ferver desligue o fogo e misture até dissolver todo o chocolate e a mistura ficar homogênea.
  4. Junte a essência. Misture com uma colher ou espátula. Reserve.
  5. Dissolva a gelatina hidratada em banho-maria. Dica: Não deixe ferver, desligue o fogo assim que formar bolinhas na água da panela.
  6. Junte a gelatina ao chocolate, ainda quente, e misture bem. Reserve.
  7. Na batedeira bata as claras até o ponto de neve. Junte o açúcar e bata um pouco mais. Desligue a batedeira. Dica: Caso você prefira o mousse mais aerado, use 4 claras de ovo ao invés de 3. 
  8. Misture com uma colher, delicadamente, a mistura de chocolate e as claras em neve. Coloque primeiro uma parte e depois adicione o restante sempre com movimentos delicados de baixo para cima.
  9. Deixe na geladeira até o momento de usar, apenas para ficar um pouco consistente. Dica: não deixe endurecer ou não será possível usar como recheio.
CALDA PARA REGAR:
  1. Em uma panela junte o açúcar e o leite. Dica: pode-se usar água no lugar do leite
  2. Leve ao fogo médio até ferver e dissolver o açúcar.
  3. Tire do fogo e acrescente o chocolate e a essência. Misture.
  4. Deixe esfriar antes de empregar.
COBERTURA: GANACHE DE CHOCOLATE
Prepare a ganache na véspera da decoração. A decoração deverá ser feita no dia do evento.
  1. Pique o chocolate e coloque-o em uma vasilha. 
  2. Ferva o creme de leite e despeje-o sobre o chocolate picado.
  3. Deixe 1 minuto e mexa com uma colher. 
  4. Acrescente a essência e misture. 
  5. Deixe fora da geladeira em vasilha tampada até o momento de usar ou ficar com consistência de bico. Dica: Eu só coloco para refrigerar, quando a temperatura em minha cidade está muito quente e úmida. A temperatura ambiente em minha cidade pode variar de 27º C a 34º C. Se sua cidade for fria pode deixar em temperatura ambiente até adquirir a consistência ideal.
  6. Caso tenha deixado a ganache na geladeira, retire pelo menos com uma hora antes de empregar.
MONTAGEM:
  1. Desenforme os bolos já frios. Corte-os em 2 partes cada um.
  2. Lave e seque a forma em que assou o bolo.
  3. Forre o fundo da forma com papel manteiga e encaixe o aro. Dica: Para facilitar a retirada do bolo do aro, eu sugiro que coloque também uma faixa de papel manteiga na lateral do aro.
  4. Coloque uma camada do bolo no fundo da forma.
  5. Fure o bolo com um garfo ou palito e molhe-o com a calda de chocolate.
  6. Despeje um terço da mousse sobre o bolo. 
  7. Sobre a mousse coloque outra camada de bolo.
  8. Fure com um garfo e molhe o bolo com a calda.
  9. Despeje mais um terço do recheio.
  10. Coloque a terceira camada de bolo por cima.
  11. Fure com um garfo e molhe o bolo com a calda.
  12. Despeje o restante do recheio.
  13. Finalize com a última camada do bolo.
  14. Cubra com um filme plástico e leve à geladeira para que a mousse adquira consistência (8 a 12 horas). 
  15. No dia do evento, retire o aro passando o bolo para bandeja ou prato em que irá servir. 
  16. Faça a decoração com a ganache como eu expliquei no início da postagem ou faça a sua própria. Use o bico de sua preferência.
Delícia! Façam e me digam o que acharam.
Se gostaram, não deixem de fazer e compartilhar.
Mil bjs e até a próxima postagem.

BOM APETITE!!!
Obrigada pela visita. Um abraço carinhoso a todos.
                   Teresa Cintra