Translate

quarta-feira, 29 de abril de 2015

BOLO MOUSSE DE CHOCOLATE

BOLO COM RECHEIO DE MOUSSE E COBERTURA DE GANACHE TUDO DE CHOCOLATE

Olá gente, tubo bem com vocês?
Que tal aprender uma receita fácil e saborosa de bolo de chocolate recheado?
Eu fiz este bolo para o aniversário de meu filho. Novamente, a preferência foi chocolate. Nem sei por que ainda pergunto. kkkkkkkkkkkkkkkk. 
Mas, ele fez algumas exigências:
- Nada de enfeites ou cobertura com pasta americana ou chantilly. Só chocolate.
- Também não aceitou decoração com bombons, balas, M&M, biscoitos e qualquer outra coisa no gênero. 
- Trabalhos muito elaborados com a ganache de chocolate e bicos de confeitar foram gentilmente dispensados.
Se por um lado o meu trabalho seria bem simples, por outro ficou complicado tamanha simplicidade. Pode? kkkkkkkkkkkk.
E como o bolo ficou? Assim:
Simples, mas muito delicioso.
Um bolo de chocolate com 4 camadas de bolo e 3 de recheio. Sendo duas camadas de recheio de mousse de chocolate meio amargo e uma de creme de chocolate branco.
Antes de iniciarmos com a receita algumas dicas e informações importantes:
►Prepare o recheio creme de chocolate branco na véspera de montar (rechear) o bolo.
►O bolo pode ser feito no dia da montagem com 4 a 5 horas de intervalo para esfriar totalmente antes de ser desenformado e cortado. Sugiro que você faça o bolo pela manhã ou início da tarde e a montagem à noite.
►A mousse de chocolate deve ser preparada no mesmo dia de rechear para não firmar totalmente até o momento da montagem. Depois de pronta, a mousse deve ficar em refrigeração para adquirir um pouco de consistência, mas não pode firmar totalmente antes de ser usada como recheio. Prepare-a enquanto espera o bolo esfriar.
►A ganache deve ser feita na véspera de decorar o bolo, no dia da montagem. Ou algumas horas antes. 
►Cubra e decore o bolo no dia da festa.
►Este bolo, depois de recheado, deve ser conservado em refrigeração por conta da mousse e do creme de chocolate branco que levam creme de leite.
INGREDIENTES:
BOLO:
  • 7 ovos
  • 1 1/2 xíc/chá de açúcar
  • 2 1/2 xíc/chá de farinha de trigo
  • 1/2 xíc/chá de chocolate em pó a 50%
  • 1 xíc/chá de leite
  • 100 g de manteiga sem sal
  • 1 pitada de sal
  • 1 c/chá de essência de baunilha
  • 1 c/sopa de fermento
MOUSSE DE CHOCOLATE MEIO AMARGO:

MOUSSE DE CHOCOLATE, BOLO, SOBREMESA, FESTA
  • 400 g de chocolate meio amargo picado
  • 2 caixa de creme de leite
  • 4 c/sopa de chocolate em pó a 50%
  • 5 c/sopa de água fria
  • 12 g de gelatina incolor e sem sabor em pó (1 envelope)
  • 1 c/chá de essência de baunilha ou amêndoas
  • 3 claras 
  • 6 c/sopa de açúcar cristal ou refinado 
CREME DE CHOCOLATE BRANCO:

  • 250 g de chocolate branco picado
  • 75 ml de creme de leite (de caixinha)
  • 1 c/sobremesa de glucose de milho ou mel (7,5 g)
  • 2 c/sopa de manteiga sem sal em temperatura ambiente (30 g)
COBERTURA: Ganache de chocolate

  • 250 g de chocolate meio amargo
  • 250 g de chocolate ao leite
  • 200 ml de creme de leite (caixinha)
  • 1 c/chá de essência de baunilha ou amêndoas
MODO DE PREPARO:
BOLO:
  1. Pré-aqueça o forno a 200ºC.
  2. Unte duas formas desmontáveis de 25 cm com manteiga e polvilhe com chocolate em pó.
  3. Peneire junto a farinha de trigo e o chocolate em pó. Reserve.
  4. Coloque na batedeira os ovos (inteiros) e o açúcar. Bata por aproximadamente 10 minutos. O volume irá aumentar bastante.
  5. Desligue a batedeira e passe a mistura dos ovos para uma vasilha maior. Junte a mistura de farinha e chocolate. Misture com uma colher.
  6. Ferva junto o leite com a manteiga e o sal. Assim que ferver desligue o fogo e misture na massa do bolo. Mexa com a colher, misturando bem.
  7. Junte a essência e o fermento.
  8. Divida a massa nas duas formas untadas e polvilhadas.
  9. Asse em forno pré-aquecido a 200ºC por 35 a 40 minutos. Faça o teste do palito, que deve sair limpo.
  10. Deixe os bolos esfriarem sobre uma grade e cobertos com pano (sem tocá-los). Dica: Cobrir os bolos ao esfriarem evita de ressecar a superfície ficando quebradiça e endurecida.
  11. Desenforme-os quanto estiverem frios.
MOUSSE DE CHOCOLATE MEIO AMARGO:

  1. Coloque o chocolate picado e o creme de leite em uma pequena panela ou vasilha. Leve ao fogo em banho-maria. Assim que a água ferver desligue o fogo e misture até dissolver todo o chocolate e a mistura ficar homogênea.
  2. Junte o chocolate em pó e a essência. Misture com uma colher. Reserve,
  3. Hidrate e dissolva a gelatina em banho-maria. Junte a gelatina ao chocolate misture bem. Reserve.
  4. Na batedeira bata as claras até o ponto de neve. Junte o açúcar e bata um pouco mais. Desligue a batedeira.
  5. Misture com uma colher, delicadamente, a mistura de chocolate e as claras em neve.
  6. Cubra a vasilha e leve à geladeira para firmar um pouco (não totalmente). Verifique a consistência de tempo em tempo.
CREME DE CHOCOLATE BRANCO:

  1. Coloque o chocolate picado, o creme de leite, a glucose em uma vasilha e leve ao fogo em banho-maria. Misture até derreter totalmente o chocolate e incorporar todos os ingredientes. 
  2. Retire do fogo e acrescente a manteiga. Mexa bem com uma colher.
  3. Bata a mistura com um mixer para ficar cremoso. 
  4. Coloque em uma vasilha e leve à geladeira até adquirir consistência de recheio.
COBERTURA: Ganache de chocolate

GANACHE; CHOCOLATE, BOLO; RECHEIO DE BOLO; SOBREMESA, FESTA
  1. Pique o chocolate e coloque-o em uma vasilha. 
  2. Ferva o creme de leite e despeje-o sobre o chocolate picado.
  3. Deixe 1 minuto e mexa com uma colher. 
  4. Acrescente a essência e misture. 
  5. Deixe na geladeira até o momento de usar ou ficar com consistência de bico. Dica: Só coloco para refrigerar, pois moro em uma cidade muito quente e úmida. A temperatura ambiente em minha cidade varia em torno de 30ºC a 34ºC. Se sua cidade for fria pode deixar em temperatura ambiente até adquirir a consistência ideal.
  6. Retire da geladeira pelo menos uma hora antes de empregar.
MONTAGEM:
  1. Desenforme os dois bolos e corte cada um ao meio.

  2. Como eu quero que o bolo fique bem firme e a massa é amanteigada (úmida) não molhei com calda.
  3. Em uma das formas usadas para assar o bolo coloque papel manteiga na lateral ultrapassando a altura da mesma. Lembre-se que, como quero um bolo alto, são dois bolos que serão montados formando apenas um. Dica: Este bolo era para meu filho, então eu usei o fundo da forma desmontável como suporte para a montagem. Se o seu bolo for para outra pessoa, para evitar que ele se quebre ou desmonte ao ser retirado da base, eu sugiro que você coloque sobre a base da forma (onde o bolo será montado) um suporte descartável (isopor, papelão forrado com filme plástico). Faça sobre este suporte a montagem do seu bolo. 
  4. Coloque a 1ª camada de bolo na forma.
  5. Despeje metade da mousse de chocolate sobre o bolo. Espalhe levemente com uma colher. Dica: a mousse não deve estar totalmente firme, apenas um pouco grossa. Ela deverá terminar de solidificar já como recheio do bolo.
  6. Coloque a 2ª camada de bolo sobre o mousse. 
  7. Despeje o creme de chocolate branco e espalhe com uma colher. Dica: Como este recheio não leva gelatina, eu fiquei com medo que não endurecesse o suficiente e escorresse. Então, eu coloquei pouco deste recheio.
  8. Coloque a 3ª camada de bolo sobre o creme de chocolate branco.
  9. Despeje o restante do mousse de chocolate sobre o bolo.
  10. Coloque a última camada de bolo por cima.
    MONTAGEM DE BOLO, FESTA, CHOCOLATE, MOUSSE DE CHOCOLATE, GANACHE, CULINÁRIA
  11. Cubra com papel manteiga ou filme plástico. Não precisa compactar o bolo para não escorrer os recheios pela lateral. Faça a compactação apenas se você usou camadas quebradas do bolo. Como minhas camadas estavam inteiras não senti necessidade.
  12. Leve à geladeira por 8 a 12 horas para endurecer os recheios. 
DECORAÇÃO:
  1. Retire a ganache da geladeira 1 hora antes de iniciar a decoração do bolo. Dica: Se o clima de sua cidade for frio, não precisa refrigerar a ganache, deixe-a em temperatura ambiente até adquirir consistência para decorar.
    GANACHE DE CHOCOLATE; CHOCOLATE, BOLO; COBERTURA PARA BOLO
  2. Tire o bolo da geladeira.
  3. Com cuidado abra a forma desmontável e retire o bolo mantendo a base da forma. 
  4. Tire o papel manteiga da lateral do bolo.
  5. Coloque o bolo sobre o prato em que será servido.
    Dica: Como o bolo era para minha casa, eu mantive o fundo da forma desmontável como suporte no momento da montagem. Caso você faça para outra pessoa, para evitar acidentes ao ser retirá-lo da base, coloque sobre a base da forma um suporte descartável (isopor, papelão forrado com filme plástico). Faça sobre este suporte a montagem do bolo. Coloque um pouco de ganache ou recheio no suporte antes de colocar sobre o bolo para evitar que ele deslize durante o transporte. Faça o mesmo ao colocar o bolo com o suporte 
    no prato (ou bandeja) definitivo.
    MONTAGEM DE BOLO; BOLO DE CHOCOLATE; BOLO MOUSSE
  6. Passe uma camada fina de ganache no topo e lateral do bolo. Depois com uma colher de sobremesa ou chá vá colocando mais ganache em todo o bolo. Use o lado convexo da colher (a parte de trás) e vá arrepiando o chocolate. Dica: se você não tiver tido sua imaginação tolhida pelo aniversariante, esta é a hora de liberá-la e fazer uma bonita decoração. 
    MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; FESTA; BOLO RECHEADO
  7. Com um guardanapo ou toalha de papel limpe o prato ao redor do bolo.
  8. Coloque um pouco de ganache em um saco de confeitar e faça um acabamento entre o bolo e o prato. Dica: eu usei um bico perlê grande, fiz um montinho e puxei a ponta para cima e desci para o lado. Você pode usar o bico pitanga ou outro de seu gosto.
    MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE
Prontinho, missão cumprida. Bolo terminado! 
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE
Eu queria dar um pouco de cor colocando M&M coloridos no topo e biscoito do tipo Kit-Kat em toda a volta. Mas..., é o aniversariante quem decide. Então está terminado.
Agora é só acender as velinhas e cantar aquela musiquinha tão famosa nos aniversários. kkkkkkkkkkkk.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE

A pedido do aniversariante, nada de vela muito elaborada. O que não significava não ter vela. Acho que eu compensei a falta de decoração colocando 21 velinhas, uma para cada ano de aniversário. Todas as velas condensadas no meio do bolo. Foi uma verdadeira fogueira sobre o bolo. kkkkkkkkkkkkkkk.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE
E a primeira fatia vai para... (suspense, expectativa e surpresa)..., MAMÃE! Euzinha! rsrsrsrsrs.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE



Rapidinho o bolo foi sendo devorado.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE
Estava uma delícia.
E que tal acrescentar uma bola de sorvete de creme?
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE
No dia seguinte, apenas um pequeno pedaço do bolo sobreviveu e nos fez companhia no café da manhã.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE

O que é bom dura pouco.
MOUSSE DE CHOCOLATE; GANACHE; RECHEIO DE CHOCOLATE; FESTA; BOLO DE ANIVERSÁRIO; LANCHE

Não deixem de fazer e experimentar este saboroso e maravilhoso bolo.

Beijocas!


BOM APETITE!!!
Obrigada pela visita. Um abraço carinhoso a todos.
                   Teresa Cintra   

terça-feira, 28 de abril de 2015

GARRAFAS RECICLADAS- Pintura em branco e preto

GARRAFAS DECORATIVAS PINTADAS:
garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas.lixo é luxo

Dizem que todo mundo tem uma mania. A minha é guardar coisas para reciclar. Caixas, latas, guardanapos decorados, tampas, pedaços de fitas, restos de lã, botões, e..., garrafas e vidros vazios. Sempre acho que servirão no futuro. Quem faz artesanato sabe o que é isto.
Não chego a ser um caso patológico de acumuladora, por conta de alguns controladores que tenho em casa.
Vez ou outra, eu recebo um ultimato de minha empregada: "Se a senhora não vai usar é melhor jogar fora. A despensa está ficando entulhada". Comentário que sempre ganha o apoio de meu marido e filhos. Rsrsrsrsrsrsrs. O pior é que eles sempre têm razão. Mas..., jogar fora? Não depois de tanto tempo juntando. 
Então, reuni coragem e comecei a trabalhar minhas garrafas.
O primeiro passo foi separar as garrafas. Eu preferi usar três garrafas diferentes no tamanho, largura e forma.


O segundo passo foi decidir o que o que fazer. Pintura, colagem de pedrarias, barbantes, decoupagem (guardanapo, tecido). Nossa são tantas as possibilidades, uma verdadeira viagem. 
Uma ideia seria deixar do jeito que estava e usá-las como candelabro. Bastava encaixar as velas, acendê-las e deixar a parafina escorrer pelas garrafas criando um lindo efeito. Como minhas garrafas eram de vidro colorido, o contraste com o branco da vela ficaria bem bacana.
Dica: Se você optar por este uso e, a vela for mais fina, que o gargalho da garrafa, basta colocar algumas voltas de fita crepe na ponta da vela e encaixá-la normalmente.
Mas, e o contrário acontecer (a vela ser mais grossa que o gargalho) basta desbastar a ponta da vela com uma faca afiada ou estilete.
Por fim, eu decidi pintá-las. 
Depois das minhas latinhas bem coloridas (http://teresacintra.blogspot.com.br/2014/11/latas-recicladas.html), optei por algo mais discreto. Algo com apenas duas cores: preto e branco. Acho a combinação destas duas cores bem atual e chique.
Enquanto as ideias iam amadurecendo, eu preparei as garrafas para o trabalho passando primer em todas elas. Isto por que eu iria usar restos de tinta branca de parede que ainda tenho em casa. Tinta, esta, que não é própria para vidro.
Em seguida eu pintei o fundo em branco, e já gostei do resultado final. Eu até que poderia deixar desta maneira, mas não. Eu queria pintar algo mais. Algo diferente em cada garrafa, mas que ao mesmo tempo tivesse uma ligação. Afinal é um trio. As ideias foram surgindo aos poucos, garrafa por garrafa. A primeira garrafa foi com a ajuda e inspiração de minha filha. Foi ela quem riscou direto na garrafa (ainda apenas com o primer). Eu gostei tanto do desenho que com medo de perdê-lo, passei uma caneta permanente para realçá-lo. E só depois, pintei a garrafa com o fundo branco.
Era um desenho abstrato que lembrava parte de uma folhagem com seus ramos e folhas se emaranhando. Foi daí que resolvi fazer as outras duas garrafas, seguindo este tema, mas com desenhos bem diferentes.
Para a segunda garrafa, eu fiz uma árvore frondosa com folhas, flores e alguns animais (pássaro e borboletas). Este desenho eu não fiz a mão livre, procurei algumas ideias na internet. Imprimi a que gostei e transferi para a área de trabalho.
Já a terceira, eu resolvi fazer algumas ramagens a mão livre. Diferente da primeira, pois os ramos estão mais visíveis. 
Abaixo eu descrevo como fiz cada garrafa. Espero que ajude vocês.
garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco;
GARRAFAS PINTADAS PARA DECORAÇÃO:
MATERIAIS:
  • 3 garrafas vazias 
  • Álcool líquido (não use o gel)
  • Primer para vidro
  • Recipiente com água
  • Pincel largo e fino
  • Rolinho de espuma pequeno com bandeja
  • Tinta branca latéx (PVA) ou acrílica a base de água
  • Tinta preta latéx (PVA) ou acrílica a base de água (ou faça a sua tinta misturando a tinta branca com corante líquido ou pó preto)
  • Verniz acrílico solúvel em água
  • Estilete, lápis e borracha
  • Fita crepe
  • Luva plástica ou borracha
PASSO-A-PASSO:
  1. Lave as garrafas em água corrente e sabão, retirando o rótulo e todo o vestígio da cola. Dica: Algumas garrafas precisam ficar de molho para soltar o rótulo. Outras o rótulo sai melhor se estiver seco.
  2. Seque as garrafas e limpe-as com álcool para retirar vestígios de gorduras ou sujeiras que dificultarão a aderência do primer.
  3. Passe duas demãos de primer para vidro, intercalando secagem de 4 horas entre si. Passe o primer com pincel. Use luvas de borracha ou plástico. Dica: Evite ficar indo e voltando com o pincel, para não formar grumos na pintura. Isto ocorre porque o primer ainda não está totalmente seco. 
  4. Após a segunda demão espere pelo menos 24 horas para começar a pintar o fundo. Dica: Tenha paciência nesta hora, vá fazer outra coisa.
  5. Com o rolinho de espuma pinte as garrafas com a tinta PVA ou acrílica branca. Dê duas a três demãos de tinta, sempre intercalando secagem entre elas.
    Dica: Como minhas garrafas eram coloridas precisei de três demãos.
  6. Com um estilete ou faca de ponta afiada, dê o acabamento na boca da garrafa.
  7. Faça os desenhos nas garrafas: 1ª Garrafa: Desenhe a mão livre com um lápis grafite direto na garrafa. Dica: como eu já contei, esta garrafa foi desenhada por minha filha. Eu só precisei reformar o desenho com uma caneta permanente. 
    2ª Garrafa: Eu escolhi um desenho da internet. 
    É só digitar o tema escolhido e colocar em imagens que irá surgir uma grande variedade de opções. Alguns desenhos são grátis e outros são vendidos. Escolha o desenho e faça a transferência para a garrafa usando um carbono. Se você faz artesanato para venda, não se esqueça de manter a autoria do desenho. Este desenho eu consegui no link abaixo, fiz algumas pequenas alterações ao transpassar o desenho para a garrafa. http://www.tattoopinners.com/pin-desenhos-criativo-animal-letras-numero-ptaxdyndns/static.mercadoshops.com*arvore-dos-sonhos_iZ11XvZxXpZ1XfZ130965871-78080575447-1.jpgXsZ130965871xIM.jpg/
    Dica: Caso você não tenha carbono, risque o verso do desenho com um lápis grafite e depois fixe o desenho com fita adesiva na garrafa e contorne-o com o lápis ou uma caneta sem tinta. Não se prenda às minucias do desenho. Depois, os pequenos detalhes serão incorporados à pintura. Realce o desenho com uma caneta permanente.
    garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco;
    3 ª Garrafa: Resolvi arriscar e fazer um desenho a mão livre. Dica: Desenhe direto na garrafa ou faça um esboço em um papel. Primeiro eu fiz os traços das ramagens e depois fui completando com as folhagens. Apesar de ter desenhado direto na garrafa, copiei o desenho com um papel de seda para repassar para quem quiser. Aumente o nº de ramos de acordo com o tamanho da garrafa. 
  8. Com a caneta permanente contorne todo o desenho de cada garrafa.
  9. Com a tinta PVA ou acrílica preta e um pincel macio preencha os desenhos com cuidado.
    Dê duas demãos se for preciso intercalando secagem entre elas.
    garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo
  10. Faça o acabamento que julgar necessário no gargalo da garrafa. Use fita adesiva para isolar a área que não desejar pintar.
  11. Observe o desenho e complemente-o se achar necessário. Dê o seu toque pessoal à pintura. Dica: Eu acrescentei mais algumas folhagens e flores na segunda garrafa. As flores pequenas eu fiz usando o cabo do pincel. Os traços das folhas e o miolo das flores, eu usei a tinta branca. Eu ainda fiz uma grama baixa contornando a garrafa, apenas para tirar a ilusão da árvore estar flutuando. 
    garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo
  12. Faça o mesmo com a terceira garrafa. Depois de pintar com a tinta preta, veja se precisa de mais folhas ou não. Faça os traços das folhas com a tinta branca.
    garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo
  13. Espere secar bem.
    garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo
  14. Antes de envernizar, assine o seu trabalho. Dica: Use uma caneta permanente ou tinta e pincel.
  15. Passe duas demãos de verniz acrílico nas garrafas, intercalando período de secagem entre elas.
    lixo é luxo; garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo
  16. Quando estiver bem seca use sua garrafa como desejar. Sobre um móvel, na cristaleira, como vaso para plantas (naturais ou artificiais). Juntas ou separadas.
garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo

Este é um trabalho decorativo e a limpeza deve ser feita apenas com um pano úmido. 

Gostaram? Espero que sim. 
garrafas; decoração, reciclagem, pintura em garrafas; reaproveitamento; artes; reciclagem de garrafas; faça você mesmo; pintura em garrafa; garrafa fofa; artes com garrafas; pintura preto e branco; lixo é luxo

Agora que tal juntar algumas garrafas e começar a trabalhar? 
A internet está cheia de ideias que te ajudarão a decidir sobre o tema e técnica. Faça uma rápida pesquisa e bom trabalho. Eu vou ficar aguardando notícias de vocês.


BOA SORTE e SUCESSO NOS TRABALHOS!


Obrigada pela visita!!!