Translate

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

LATAS RECICLADAS - CONJUNTO PARA ESCRITÓRIO

PINTURA COM POÁ 

Depois da experiência com as latas pintadas com tema floral (http://teresacintra.blogspot.com.br/2014/11/latas-recicladas.html), resolvi inovar e fazer algo mais prático e rápido.
Aproveitando algumas latinhas de leite condensado e de atum, resolvi fazer um conjunto para escritório. Algo para organizar e guardar canetas, lápis e outros materiais afins, sem esquecer-se da decoração do ambiente.
Afinal reciclagem é mais do que o reaproveitamento dos materiais que seriam descartados. Reciclar é transformar e dar nova utilidade ao objeto que perdeu sua finalidade e serventia. É dar nova
Então antes de jogar uma latinha fora, pense com carinho no meio ambiente e dê nova vida e cor ao que parecia fadado ao lixo.
Eu fiz estas latinhas com uma finalidade já definida que é a de organizar os materiais de estudo daqui de casa. Mas, você pode fazer este conjunto para organizar outros materiais como maquiagem, costura... ou até mesmo plantar nas latinhas e fazer um minijardim.
latas recicladas

A técnica de hoje é bem simples e gostoso de fazer.  O resultado é maravilhoso. Parte da técnica já foi descrita no post anterior, mas irei repetir para relembrar todo o passo-a-passo.

PINTANDO LATAS DE METAL
MATERIAIS:
  • Latas diversas
  • Alicate
  • Abridor de latas
  • Primer para metal
  • Trincha
  • Pinceis em tamanhos variados
  • Rolinho pequeno de espuma
  • Tinta PVA, acrílica ou esmalte na cor branca a base de água
  • Corantes, tinta PVA ou acrílica nas cores desejadas
  • Paninho de limpeza e álcool
  • Verniz acrílico a base de água (fosco ou brilhante) ou verniz marítimo.
Lembrete: O verniz marítimo não é a base de água e sim aguarrás, mas deve ser usado caso a sua peça vá ficar em área externa ou úmida, como no caso de varandas ou banheiros. Também é o mais indicado para vasos. Veja o modo de diluição indicado pelo fabricante do verniz marítimo.
PASSO-A-PASSO:
  1. Retire o rótulo de papel das latas e o resíduo de cola.
  2. Lave as latas com água e sabão para retirar toda a sujeira. Segue com um pano ou deixe secar completamente, emborcadas de cabeça para baixo em um forno aquecido. Junte a quantidade de lata que quiser de formas e tamanhos diversos ou todas iguais.
  3. Retire a tampa em uma das extremidades da lata com o auxílio de um abridor de latas. Dica: cuidado para não se cortar nas rebarbas da abertura da tampa.
  4. Com o alicate dê acabamento à abertura da lata, pressionando as rebarbas de encontro à lata.Dica: importante para evitar acidentes ao usar e manipular as latas no futuro.
  5. Se necessário passe álcool com um paninho em toda a superfície da lata.
  6. Dê uma mão de primer para metal em toda a lata (lado externo e interno), protegendo as mãos com luvas ou um saco plástico. Espere secar de acordo com o tempo indicado na embalagem do produto. Dica: O primer irá facilitar a adesão da tinta e garantir a durabilidade do trabalho. Além disto, este produto protege a lata de ferrugem. Existe várias marcas no mercado, a que usei foi esta:
  7. Dê uma segunda demão de primer. Espere secar novamente. 
  8. Com um rolinho de espuma passe a tinta PVA branca sobre as latas. Dê 2 a 3 demão de tinta para formar a base para o trabalho. Dica: É importante cobrir totalmente a latinha, inclusive na parte de baixo e interior. 
  9. Deixe secar bem entre uma demão e outra.
  10. Prepare as tintas nas cores desejadas usando corantes próprios ou use tintas já coloridas. A vantagem de preparar as próprias cores é que a variedade de tons é maior. Basta ter as cores primárias (azul, amarelo e vermelho). Escolha cores que combinem com o ambiente onde serão utilizadas.
  11. Comece a pintar as latas a partir da cor do fundo. Eu fiz dois conjuntos um vermelho e outro azul. Para o vermelho eu usei tinta PVA pronta e para o azul eu preparei a tinta com o PVA branco e corante azul.
    Dê 2 a 3 demãos de tinta, intercalando período de secagem entre elas.

  12. Pinte bolinhas brancas usando o cabo de um pincel. De acordo com o tamanho desejado das bolinhas use um pincel fino ou largo. Para cada bolinha molhe a ponta do cabo na tinta, desta forma o tamanho fica mais uniforme.
  13. Para facilitar a pintura eu marquei com uma caneta (apenas um pontinho discreto) formando um quadriculado na lata. Depois pintei no meio de cada quadradinho formado uma bolinha.
  14. Faça uma última revisão da pintura, dando os seus toque pessoais. 
    CONJUNTO PARA ESCRITÓRIO

    KIT PARA ESCRITÓRIO
  15. Assine a sua latinha.
  16. Passe uma camada de verniz acrílico com pincel ou em spray sobre toda a superfície pintada. Espere secar e passe uma segunda camada.
Prontinho! Serviço terminado e pronto para uso. Eu adorei o resultado.
KIT ESCRITÓRIO
Bem mais fácil que as latinhas com tema floral que postei anteriormente. Técnica muito fácil, prática, econômica e com um grande efeito final.

Para compor o Kit de escritório eu fiz o mesmo trabalho em um porta controle remoto de MDF. É claro que por não ser metal não foi preciso a aplicação do primer. Vejam o resultado final.
kit para escritório
E vocês? O que acharam das minhas latinhas?  

Que tal fazer o conjunto vermelho para presentear no natal? Afinal já estamos em novembro e dezembro chega já já. 
CONJUNTO PARA ESCRITÓRIO

Para quem se animar: 

BOA SORTE e SUCESSO NOS TRABALHOS!

Obrigada pela visita!!!

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

RISCOS FLORAIS

Os riscos abaixo foram utilizados para o artesanato com latas recicladas que postei há poucos dias (http://teresacintra.blogspot.com.br/2014/11/latas-recicladas.html).
Estes riscos podem ser usados em outros trabalhos como bordados, mosaicos, pinturas em outros materiais (tecidos, caixas, vidros, louças...). Enfim, usem como vocês acharem melhor.

Escolha o desenho de seu gosto, depois é só copiar e ampliar/reduzir conforme o tamanho desejado.

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

RISCOS

Mil beijos e um abraço carinhoso a todos, 
Teresa Cintra

BOA SORTE e SUCESSO NOS TRABALHOS!

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

LATAS RECICLADAS

REAPROVEITANDO LATAS DE CONSERVAS

Que tal decorar a sua casa com lindos vasos coloridos e todos reciclados? Você pode fazer um verdadeiro jardim ou horta em sua varanda apenas usando latas de conservas e alimentos.

Ou usar as latinhas recicladas como porta trecos para organizar miudezas no quarto, banheiro, cozinha e escritório.


E o melhor de tudo é contribuir com o meio ambiente, transformando as latinhas que terminariam nos rios, lagos ou mares em pequenas obras de arte e embelezamento. É o eco-artesanato que veio pra ficar.


Como fazer? É mais simples do que parece. Basta poucos materiais e começar. Nunca mais você vai querer jogar uma latinha fora.


Você mesma pode fazer a pintura ou usar a técnica de decoupagem. 
PINTANDO LATAS DE METAL

Hoje eu irei mostrar a técnica de pintura. Vejam a lista de materiais e o passo-a-passo:

MATERIAIS:
  • Latas diversas
  • Alicate
  • Abridor de latas
  • Primer para metal
  • Trincha
  • Pinceis em tamanhos variados
  • Rolinho pequeno de espuma
  • Tinta PVA, acrílica ou esmalte na cor branca a base de água 
  • Corante nas cores desejadas 
  • Prego e martelo
  • Verniz acrílico a base de água (fosco ou brilhante) ou verniz marítimo.
Lembrete: O verniz marítimo não é a base de água e sim aguarrás, mas deve ser usado caso a sua peça vá ficar em área externa ou úmida, como no caso de varandas ou banheiros. Também é o mais indicado para vasos. Veja o modo de diluição indicado pelo fabricante do verniz marítimo.

PASSO-A-PASSO:
  1. Retire o rótulo de papel das latas e o resíduo de cola.
  2. Lave as latas com água e sabão para retirar toda a sujeira. Segue com um pano ou deixe secar completamente, emborcadas de cabeça para baixo em um forno aquecido. Junte a quantidade de lata que quiser, de formas e tamanhos diversos ou todas iguais. 
  3. Retire a tampa em uma das extremidades da lata com o auxílio de um abridor de latas. Dica: cuidado para não se cortar nas rebarbas da abertura da tampa.
  4. Com o alicate dê acabamento à abertura da lata, pressionando as rebarbas de encontro à lata.
    Dica: Este cuidado é importante para evitar acidentes ao usar e manipular as latas no futuro.
  5. Se necessário passe álcool com um paninho em toda a superfície da lata.
  6. Dê uma mão de primer para metal em toda a lata. Espere secar de acordo com o tempo indicado na embalagem do produto. 
    Dica: O primer irá facilitar a adesão da tinta e garantir a durabilidade do trabalho. Além disto, este produto protege a lata de ferrugem.
    Esta etapa deve ser feita em área arejada, pois o produto é nocivo à saúde. Proteja as mãos com luvas ou saco plástico.
    Crianças e adolescentes não devem manipular primer. 
  7. Dê uma segunda demão de primer. Espere secar novamente.
    Dica: passe o prime por dentro e por fora da lata. 
  8. Com um rolinho de espuma passe a base da tinta sobre as latas. Dê 2 a 3 demão de tinta branca para formar a base para o trabalho. É importante cobrir totalmente a latinha, inclusive na parte de baixo. Latas com estampas e dizeres podem precisar de mais demão do que as demais.
  9. Deixe secar bem entre uma demão e outra.
  10. Escolha o desenho que irá pintar. Passe os desenhos para um papel vegetal ou de seda. Com um grafite risque o lado do avesso do desenho. Isto irá funcionar como carbono para poder transferir o desenho para a lata.
  11. Posicione o desenho na lata com a parte riscada com o grafite voltada para a mesma. Transfira o desenho.
  12. Contorne o desenho com uma caneta permanente ou para tecido. Não use caneta hidrocor (aquelas usadas por crianças), pois irá manchar em contato com a tinta. Dica: Eu gosto de usar caneta marrom. A cor marrom, após a pintura, fica suave como uma sombra e deixa um acabamento melhor. Não gosto daqueles contornos pretos.
  13. Prepare as tintas nas cores desejadas usando corantes próprios ou use tintas já coloridas. A vantagem de preparar as próprias cores é que a variedade de tons é maior. Basta ter as cores primárias (azul, amarelo e vermelho).
    Você pode brincar e fazer as combinações que quiser. Além de ser mais econômico.
    Para fazer suas cores basta comprar a tinta branca (PVA ou acrílica) e os corantes. Fica bem mais barato e divertido. Eu gosto de guardar os frascos das tintas (de artesanato ou tecido) quando acabam para ter esta opção em mãos.

  14. Comece a pintar as latas a partir da cor do fundo. Depois pinte as folhagens. Dica: Dê profundidade e volume às folhas alternando o tom das folhas entre verde escuro e mais claro. Para isto acrescente um pouco mais de amarelo ou azul ao verde até atingir o tom desejado.
  15. Depois passe para as flores. Pinte primeiro a flor com uma cor única e depois dê luz e sombra, dando o volume desejado. Faça o mesmo com o miolo de cada flor.
    PINTANDO LATAS
  16. Pinte as latas todas em uma mesma cor e tema ou varie as cores e desenhos das flores. Dica: para agilizar o processo gosto de pintar várias latas ao mesmo tempo. Primeiro o fundo, depois as folhas e a flores. Acho mais produtivo, mas isto é uma questão pessoal.
  17. Faça uma última revisão da pintura, dando os seus toque pessoais.
  18. Assine a sua latinha. 
  19. Passe uma camada de verniz acrílico com pincel ou em spray sobre toda a superfície pintada. Espere secar e passe uma segunda camada.
  20. Se você for plantar em sua latinha, escolha plantas com um crescimento compatível com o tamanho da lata e que não precisem de muitas regas para o seu desenvolvimento. Uma boa opção são os cactos e suculentas. Antes de plantar, fure o fundo das latinhas usando o prego com o martelo. Isto irá promover a drenagem da água de maneira adequada.
Lembrete: Dependendo da utilidade da latinha, pinte todo o interior da mesma ou apenas a parte superior. 
PINTURA EM LATAS


Prontinho! Serviço terminado e pronto para uso.

Quem quiser os riscos que usei é só acessar o link: http://teresacintra.blogspot.com.br/2014/11/riscos-florais.html.

Caso você não tenha muita habilidade com o pincel um bom recurso é usar estêncil fixos nas latas com fita crepe. Outra ideia é o uso de decoupagem, que ficam maravilhosas e podemos usar uma infinidade de guardanapos para a técnica.

Naturalmente, que eu não tenho a pretensão de tornar ninguém mestre da pintura. Eu mesma jamais tive a soberba de tal ousadia. O que quero é difundir a ideia do reaproveitamento, embelezando e dando mais cores e formas ao ambiente. 
Você pode fazer sua pintura sobre um tema bem diferente do proposto neste post. Que tal algo abstrato ou geográfico? Aspirais e arabescos? Por que não?

Na internet é possível encontrar vários sites que dão dicas preciosas para os iniciantes ou não na arte da pintura. Algumas técnicas para tecidos ou telas podem ser adaptadas para outros materiais como latas, caixas, madeiras. Vejas alguns que merecem uma visita: